Forma, estrutura e educação

Forma e estrutura são dois conceitos que parecem nascer com a cultura alemã, no rigor da sua língua, no design da Bauhaus, na engenharia da Mercedes, na música dos três grandes “Bs” da cultura musical ocidental…

Brahms (1833 – 1897) herdou dos outros dois “Bs” e compatriotas ( Bach e Beethoven ) o apreço pelo rigor da estrutura e da forma. O quarto movimento da sua segunda sinfonia é uma pequena e deliciosa amostra do seu domínio da linguagem musical.

A partir dos 8min 35seg reparem nas escalas descendentes que passam pelos 3 trombones ( baixo, tenor e alto ) que preparam o clímax do movimento quando as cordas “chamam” a brilhante fanfarra final que fecha a sinfonia. De arrepiar !

Nesta gravação, o maestro Myung-Whun Chung é mais um exemplo de como ensino sério e de qualidade fizeram da Coréia uma referência na produção de carros, computadores e música !  Receita simples dos coreanos : Rigor com a forma e com a estrutura na educação 🙂

Deixe uma resposta